Sabia que? Zinco – O Defensor da Imunidade

13 de Janeiro, 2022 0 Comentários

O Zinco  é um importante co-factor enzimático e também  importante para o metabolismo de muitas vitaminas.

É considerado um dos maiores defensores do sistema imunitário, participando na produção de glóbulos brancos (células “assassinas naturais”, linfócitos T e linfócitos B). A deficiência de zinco está associada diretamente à diminuição na maturação dos linfócitos T e da produção de  Interleucina e Interferon, o que aumenta o risco de imunodepressão deixando o organismo mais susceptivel a infeções. Destrói parasitas, bactérias e vírus, se existir carência de zinco esta ação fica comprometida.

Existem várias formas químicas de apresentação em Suplementos com Zinco, sendo a sob a forma de Bisglicinato uma das mais vantajosas. O bisglicinato de zinco é um quelado altamente bio disponível, sendo bem absorvido e bem tolerado pelo organismo. É composto de uma molécula de zinco ligada a duas moléculas do aminoácido glicina. Como essa forma de zinco é absorvida intacta (ou seja, ligada à glicina), ela não compete diretamente com outros minerais pela absorção no trato intestinal.

Benefícios do Zinco
  • Reforça o sistema imunitário;

  • Melhora a resistência face a agentes patogénicos  externos combatendo infeções;

  • Ação Cicatrizante;

  • Protege as células contra as oxidações indesejáveis e favorece o processo de divisão celular.


  • Dra. Sandra Santos  
    Doutoranda em Farmácia FFUL
    (especialidade Farmacognosia e Etnofarmacologia)
    Mestre em Qualidade Alimentar e Saúde FFUL
    Licenciada em Farmácia
    Naturopata/Fitoterapeuta